terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Saiba como Tarso Genro, governador (PT) do RS quer acabar com a CEEE

O editor pode informar com absoluta segurança que o governador Tarso Genro quer se desfazer da CEEE (Cia Estadual de Energia Elétrica) antes mesmo de terminar o seu governo. Ele mandou carta para a presidente Dilma Roussef, oferecendo a estatal estadual gaúcha de energia para a Eletrobrás, o gigante estatal federal de energia que só não quebrará este ano se receber forte injeção de recursos do Tesouro.




. A Eletrobrás já possui 32% das ações da CEEE e com apenas mais 29% terá o seu controle.

. A decisão do governo Tarso vazou nos últimos dias, quando circulou cópia da carta enviada ao Planalto pelo Piratini. Nela, o governador não fala em venda do controle, mas em "ampliação da fatia do parceiro estratégico" (Eletrobrás).

. Com esta notícia, fica mais fácil entender por que razão o Piratini meteu a mão em R$ 1,3 bilhão que a CEEE reservava para investimentos. No projeto que enviou para a Assembléia, aprovado facilmente, a justificativa era de que o dinheiro servirá para compensar a absorção dos chamados ex-autárquicos, que recebiam diretamente da Folha da CEEE. O negócio foi desastroso para a estatal, porque até mesmo o rendimento mensal da aplicação do dinheiro no mercado financeiro suportaria o valor da Folha. Na verdade, o governo buscou duas vantagens com a proposta aprovada:

1) Meter a mão em R$ 1,3 bilhão para tapar seus rombos de caixa, decorrentes de uma gestão financeira desastrosa.
2) Ajudar a limpar o passivo da CEEE e com isto facilitar a entreva para a Eletrobrás.

. A venda do controle da CEEE para a Eletrobrás poderá render pelo menos mais $ 1 bilhão para os cofres de Tarso Genro.


. A Assembléia do RS não foi consultada em momento nenhum pela decisão do Piratini de acabar com a CEEE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário