domingo, 16 de fevereiro de 2014

Governo federal corta 70% das vagas e dos cursos do Pronatec no RS


O governo estadual e as prefeituras estão em polvorosa desde o final da semana, quando receberam o aviso de que o governo federal decidiu suspender os repasses para bancar 70% dos cursos e vagas para o chamado ensino profissionalizante, tudo no âmbito do Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego.

Todos, menos o Governo Federal

Em todos os municípios, amplas campanhas de recrutamento foram feitas, 150 mil vagas foram prometidas e agora ninguém mais sabe como fazer com as inscrições que começam nesta segunda e com os cursos programados a partir de março.

O secretário gaúcho do Trabalho, Luís Lara, viaja às pressas para Brasília, onde terá encontro com a ministra do Desenvolvimento Social, Tereza Campello, mulher do deputado petista Paulo Ferreira, do RS, que foi quem passou as ordens dos cortes.

O governo federal alega falta de dinheiro.
O Pronatec foi programado para funcionar em 497 municípios.



Nenhum comentário:

Postar um comentário